+1 561 9299856 (WhatsApp)
+55 11 967001402 (WhatsApp)

INOVAÇÃO

Engana-se quem pensa que a inovação é coisa para as startups do Vale do Silício.

No mercado atual, é quase uma obrigação pensar em inovação no dia a dia, seja qual for a área de atuação.

Porque o comércio está cada vez mais globalizado, as economias instáveis, a concorrência feroz e a tecnologia não para de avançar.

Com esse cenário, quem se acomoda corre um grande risco de ficar para trás, já que as coisas mudam de uma hora para a outra.

Aí que entra a inovação, seja nos produtos ou serviços, no modelo de negócio ou nos processos.

Mas é importante entender que inovar não significa ter uma ideia que ninguém teve, colocá-la em prática e depois colher os frutos. Isso é inventar, não inovar.

Se a empresa não seguir inovando continuamente, ou seja, não criar uma cultura de inovação, a ideia que um dia foi genial poderá se tornar obsoleta. O caminho é estimular o mindset de inovação não apenas nos gestores, mas em todos os colaboradores da organização.

Inovação é uma palavra que deriva de innovatio, termo latino que representa uma criação que não tem equivalente em padrões anteriores.

No mundo corporativo, porém, o conceito vai um pouco além disso. Porque também é possível inovar modificando e renovando antigos costumes, não apenas criando uma novidade do zero.

A inovação precisa ser viável, sustentável e dar retorno financeiro.

Inovação em produto

É quando uma empresa lança um produto novo, ou então melhora tanto a experiência do consumidor que provoca um grande efeito no mercado.

Inovação em serviço

É a mesma lógica da inovação em produto, pois é possível inovar oferecendo um serviço novo ou melhorando um já existente.

O setor de serviços é aquele que comercializa bens não tangíveis, como a área da saúde, finanças, educação, comunicação e outras tantas.

Modelo de negócio

O modelo de negócio é uma tela onde são resumidas as principais informações sobre o negócio: parcerias, atividades, recursos, relação com clientes, canais, segmentos de mercado, custos, fontes de rendimento e, claro, proposta de valor.

Com ele, é possível ter uma boa noção de como deve funcionar a empresa, de como ela vai gerar valor e receita.

A inovação em um modelo de negócio ocorre quando uma empresa cria uma lógica de funcionamento que nunca foi usada.

Inovação em processo

É quando a empresa cria um novo método para algum processo operacional essencial para o negócio.

Geralmente, inovações desse tipo produzem ganhos em produtividade, com redução de custos, além de avanços em tempo e qualidade do produto ou serviço final.

Inovação organizacional

A inovação organizacional geralmente envolve grandes mudanças na maneira como a empresa está organizada.

Pode ser redesenhado o organograma, repensados métodos de gestão e implantada uma nova cultura organizacional.

Quando uma companhia é realmente inovadora nesse tipo de medida, inspira muitas outras empresas a adotarem modelos parecidos.

Inovação na comunicação

A empresa inova na maneira como se comunica com o público, seja nas plataformas utilizadas ou no conteúdo.

É importante ter em mente que a comunicação deve sempre refletir o que a organização realmente é.

Pode ser um tiro no pé, portanto, adotar um plano de comunicação inovador sem ser uma empresa reconhecidamente inovadora.

Inovação em marketing

Ao contrário do que alguns pensam, comunicação empresarial e marketing não são a mesma coisa, embora muitas vezes estejam ligados.

A inovação em marketing pode estar no preço, no posicionamento no mercado, na embalagem ou na distribuição do produto.

contato@startupusa5.com.br
+1 561 9299856 (WhatsApp)
+55 11 967001402 (WhatsApp)
2315 NW 107th Ave, Miami, FL 33172
Rua Padre Meliton Vigueira Penilos 116 São Paulo